Dicas de cuidados para gatos – Ambiente Categoria: Cuidados | 27 de Abril de 2012 | Por: Aline Ailetos 18

Ao adquirir um gato adulto ou filhote tenha em mente que é preciso preparar o ambiente em que ele vai viver. Para isso é importante considerar as características, atividades e comportamentos dos gatos, como o hábito de arranhar, subir em locais altos e interagir socialmente, para oferecer um ambiente adequado.

Este artigo faz parte da série Dicas de cuidados para gatos.

Nos artigos anteriores eu abordei os cuidados básicos necessários com a saúde, a segurança, a higiene e a alimentação dos nossos gatos. No artigo de hoje eu trago dicas de cuidados com o ambiente, que também são indispensáveis para se criar um gato. Assim como ocorre com a saúde, a segurança, a higiene e a alimentação, o dono é responsável por manter um ambiente adequado ao seu animal de estimação, o que é também um preceito da guarda responsável.

Leia também: Alguns tópicos sobre a guarda responsável

 Crédito: jans canon

 

Enriquecimento Ambiental: imitando a vida selvagem

Enriquecimento ambiental pode ser entendido como todo o esforço para tornar o local em que um animal vive melhor e mais interessante. Na natureza os animais têm uma vida ativa por terem que buscar o alimento e se proteger de predadores, perigos e intempéries. Quando trazemos um animal de estimação para a nossa casa e oferecemos abrigo, proteção, alimentos e água, ele não precisa mais realizar suas atividades naturais e pode se tornar entediado, irritado ou obeso. Com isso, os animais de estimação podem apresentar problemas comportamentais e de saúde e o enriquecimento ambiental é praticado para evitar tais problemas.

Já abordei algumas vezes, inclusive no artigo sobre segurança nesta série de cuidados para gatos, que eles devem ser mantidos exclusivamente dentro de casa, sem o acesso à rua. Este ponto é um dos mais importantes da guarda responsável, a qual dá as diretrizes para criar animais de estimação de forma adequada. Dessa maneira, sua casa é o ambiente em que o seu gato vai viver e é nela que deve haver situações para que ele se exercite e realize suas atividades características de gato.

Leia também: Preservando a vida dos nossos gatos

Os gatos enterram suas fezes e sua urina para encobrir o seu rastro, tanto para se esconderem de outros predadores, como para não afugentarem suas presas. Mesmo morando em uma casa onde não exista presas ou predadores, os gatos mantêm este comportamento. Dessa forma, um dos primeiros itens a serem providenciados quando se adquire um gato é a caixa de areia. Em geral, não é preciso nem ensinar o gato a utilizá-la, pois instintivamente eles saberão para o que ela serve.

Crédito: wolfsavard

É muito importante manter a caixa de areia sempre limpa, pois alguns gatos se recusam a utilizá-la se estiver suja. Com isso, ele pode utilizar outros locais como banheiro, ou ainda criar o hábito de segurar a urina, o que pode trazer problemas urinários a longo prazo. Ainda, recomenda-se que seja mantida uma caixa de areia para cada gato, além de uma caixa de areia extra.

Gatos são predadores e passam caçando uma boa parte do tempo em que estão acordados. Mesmo alimentados, os gatos adoram caçar e geralmente perseguem tudo que se movimenta. Dessa forma, disponibilizar brinquedos para estimular esta atividade é bastante importante. Existe uma infinidade de brinquedos para gatos vendidos em pet shops. Uma gata minha tem um ratinho desde que é filhote e apesar de ele não ter mais rabo e estar quase todo “careca”, ela brinca com ele todos os dias e até pretere um outro ratinho mais novo e inteiro.

Meu gato tem um golfinho de pelúcia e adora dar umas cacetadas nele. Minha outra gata gosta de brinquedos caseiros, como bolinhas de papel e tampinhas de garrafas. Com pouco investimento e alguma criatividade é possível proporcionar vários brinquedos para os gatos. Ainda com relação aos hábitos de caça, é possível também esconder o alimento em brinquedos ou outros objetos para manter o gato entretido e ativo.

Outro hábito bastante característico do gato é o de arranhar. Dessa forma, é interessante adquirir um arranhador para que ele não destrua o sofá ou outro artigo da mobília. Arranhadores altos, que favoreçam a escalada e garantam esconderijo costumam ser bastante apreciados pelos felinos. No entanto, às vezes um tapete já serve de arranhador para o seu gato.

Crédito: tpavel

Os gatos aproveitam o ambiente não só horizontalmente como também verticalmente, o que faz com que eles possam viver em locais menores se comparados com os cachorros. Dessa forma, é interessante disponibilizar passarelas e prateleiras, colocando almofadas nestas para que o gato possa passear e dormir em locais altos. Ele certamente passará uma boa parte do seu tempo caminhando e tirando seus cochilos nestas prateleiras.

Crédito: vonlohmann

Em geral, os donos de gatos devem estar dispostos a conviverem com uma certa desordem, com brinquedos espalhados pela casa e em alguns momentos do dia, correrias e pulos. Eu, que já não sou tão organizada, acho tudo lindo e divertido.

Leia também: Adoráveis manias felinas – comportamento dos gatos

 

Gatos são seres sociais?

Gatos são naturalmente mais independentes do que os cães e esta característica até causam a eles certa antipatia da parte de algumas pessoas. Gatos são adaptados a passarem mais tempo sozinhos e a realizarem muitas de suas atividades de maneira solitária. Contudo, será que os gatos devem viver sozinhos?

Quando uma pessoa pensa em adquirir um animal de estimação, analisar o tempo disponível para dar atenção a este animal é uma questão importante. Em geral, é indicado um gato para pessoas que tenham menos tempo para cuidar de um animal de estimação, justamente pela sua independência. Porém, gatos precisam de companhia e em muitos casos, inclusive, de companhia felina.

A maioria dos gatos que vive sem os cuidados dos seres humanos compartilha o seu território com um pequeno grupo de felinos. Ainda, muitos desses gatos realizam algumas atividades como brincar, dormir e se lamber com um outro gato. Dessa forma, por mais independente que a espécie seja, os gatos apresentam um comportamento social.

Crédito: shellac

Eu não tenho nenhuma experiência com gatos “filhos únicos”, pois minhas gatas, que são aparentemente irmãs de ninhada, foram adotadas juntas. Porém, já vi diversos comentários de que estes gatos costumam ser mais agressivos ou, o termo mais preciso, estouvados e acabam machucando seus donos. O que acontece é que a relação do gato com o homem é de igual para igual, ou seja, para o seu gato, você também é um gato e, portanto, ele vai realizar suas atividades sociais com você.

Neste ponto ressalto uma das maiores dificuldades da convivência entre seres de diferentes espécies: a comunicação. Eu salientei anteriormente que os gatos “filhos únicos” são mais estouvados em suas brincadeiras e isto ocorre porque não percebem que estão machucando o dono. Quando um gato brinca com outro ele tem esta percepção pois a comunicação entre eles é muito mais eficiente e assim ele aprende a brincar sem machucar.

Crédito: Zanastardust

Dessa forma, eu sempre indico que as pessoas tenham pelo menos dois gatos, para que eles possam interagir socialmente e aprender a brincar sem machucar o dono. É ainda muito divertido para o dono ver dois gatos brincando, principalmente porque não são as suas pernas que eles estão atacando.

Existem casos de gatos que não aceitam conviver com outros gatos ou com outros animais de estimação e que devem ser criados sozinhos, mas em regra, os gatos aceitam a companhia de outro e mesmo que não tenham sido criados juntos, com alguns cuidados eles se adaptam a conviver e até a interagir.

Leia também: Apresentando um novo bicho de estimação – gatos

Um ambiente ideal para o seu gato, que não o deixe entediado e que não favoreça a obesidade, além de todos os itens relatados anteriormente, também inclui companhia. E se você não pode ter um outro gato para isso, é importante dedicar uma maior atenção ao seu gato “filho único” e considerar a possibilidade de que as brincadeiras com ele sejam um pouco dolorosas.

Este artigo encerra a série de cuidados para gatos. Talvez eu não tenha abordado algumas questões, ou mesmo desconheça alguns cuidados que também seriam interessantes, porém acredito que esta série possa dar uma boa base do que é preciso para criar um gato para que ele tenha saúde física e comportamental. E você, tem outros cuidados aos gatos para indicar? Participe e deixe um comentário abaixo!

Aline Ailetos

Blog | Twitter | Facebook | Google+

Introvertida, observadora, bióloga de formação. Apaixonada pelos bichos de estimação e sensibilizada pela causa animal. Defensora da guarda responsável de animais domésticos.

© Meu dono é o bicho - Todos os direitos reservados.
Não é permitida a cópia parcial ou total deste texto. Plágio é crime previsto pela Lei nº 9610/08.

18 Comentários

  1. 19 de Janeiro de 2013 às 2:10 pm

    que legal esse post… parabéns! bom… eu não conheço mais nenhum cuidado com os gatos a não ser esses em que você citou, mas esse post é muito imformativo e criterioso.

    • 20 de Janeiro de 2013 às 9:35 am
      Aline Ailetos

      Olá Larissa,
      Obrigada pelo comentário e que bom que você gostou do post!

  2. 19 de Janeiro de 2013 às 2:12 pm

    que legal esse post! eu amei! pois ele é muito imformativo e criterioso!

  3. 4 de Março de 2013 às 10:50 pm
    Cacilda

    Boa noite Aline, obrigada pelo e-mail e o link.
    Como nuncs tive gato seu post é de grande ajuda p mim!
    A caixinha de areia do meu gatinho é igualzinha a da foto.
    Meu gatinho se fizer um xixi ja vem miar e me leva p area de serviço do lado da caixinha e fica me olhando eu limpar.
    Arranhador comprei , mas ele prefere arranhar a cadeira do computador do meu filho..
    Brinquedinhos ele nem olha, mas uma bolinha de papel ou um barbante ele faz a festa.
    Sim ele morde, quando ele me mordeu pela primeira vez , me assustei e gritei , ele parou e ficou me olhando espantado.
    Agora ele pega minha mão e morde bem devagar , não sei se ele assustou com meu grito ou se entendeu que doeu..rsrs
    Amanhã venho mais cedo p ler tudinho com calma .
    Aline, uma semana repleta de bençãos pra vocês!

    • 6 de Março de 2013 às 10:15 am
      Aline Ailetos

      Olá Cacilda,
      Que bom que o post ajudou. Muitos gatos realmente preferem arranhar móveis ao invés do arranhador e bolinhas de papel fazem muito sucesso com eles também!
      Acho que ele entendeu que doeu, se ele morder forte de novo é só gritar novamente!
      Ótima semana!

  4. 23 de Abril de 2013 às 2:19 pm

    Ai que post óóóótimo! Amei as dicas de vocês :) Vocês tem twitter ou face? Bjs mil!

  5. 26 de Abril de 2013 às 8:32 pm
    Cacilda

    Boa noite Aline,
    vim reler o seu post, e mais uma vez agradecer pela ajuda :)
    O Nick apesar de ser o único felino que tenho, ele tem me dado muitas alegrias!
    Nunca mais me mordeu, brinca com as bolinhas de papel, adora caixa de papelão p se esconder e brincar de bolinha!
    Eu abro a caixa com a tampa ele corre p o outro lado, jogo a bolinha ele bate a patinha e volta p mim!
    Eu grito ai Nick Gollll! rsrs
    Quando ele não acerta ele fica com uma carinha de decepção!
    Mas logo ele rasga a caixa e fica procurando onde vai marcar gol!
    Haja caixinha né?!
    Descobri que ele morre de medo de altura, te contei que ele tem dentinhos quebrados? Então penso que ele caiu ou jogaram ele de algum apartamento!
    Ele não chega nem perto da cortinha e quando abro o vitro ele mia de longe e não para até eu fechar o vitro e sair!
    Agora em relação a arranhador, não tem jeito ele adora um tapete, deixei ele detonar meu tapete pq já está na hora de comprar outro!
    Comprei a mesa de jantar com as cadeiras, mas deixei duas cadeiras da mesa anterior!
    Encostei as duas cadeiras coloquei um tapetinho, ele acorda se espreguiça e quando desce da cadeira ja cai no seu arranhador ;)
    Eu falo Nick q fofo vc é e dou petisco, e assim ele já está acostumando com seu tapetinho e quando comprar o tapete já não vou ter que ficar chamando atenção dele!
    SRD que não me arrependo de ter pego na rua, hoje penso, tadinho se não tivesse pego com ctz hoje ele estaria machucado ou morto de tão mansinho que é !
    As pessoas só querem gatos de raça, pagam uma fortuna com tantos gatos precisando de um lar!
    Ótimo fim de semana!
    Abraço
    Cacilda

    • 29 de Abril de 2013 às 5:37 pm
      Aline Ailetos

      Oi Cacilda,
      Já estava com saudade de saber do Nick! Eu não sabia que ele tem os dentinhos quebrados! Suas janelas estão teladas? Você mora em apartamento, né? Mesmo que ele tenha medo de altura, apartamentos sem telas são ambientes muito perigosos para gatos.
      Sempre fico feliz por saber o quão bem você cuida dele! Torço para que muitos outros SRDs tenham a mesma sorte do Nick, e porque não dos meus três SRDs mais que amados!
      Abraços.

  6. 29 de Abril de 2013 às 6:13 pm
    Cacilda

    Oi Aline,
    Moro em apto e não tem telas, mas nunca deixo o vitro aberto por completo, agora no quarto do meu filho tem a persiana com buraquinhos, deixo ele à vontade p subir na persiana, nunca quis, ele parece um cachorrinho ..rsrs, nunca subiu na mesa, pia..etc..ele é curiso nas partes baixas, armarios, gabinete da pia , se vc abre para pegar algo e esquece aberto ele entra .
    Nunca proibi ele de subir em móveis, mas ele nunca subiu, melhor não dar ideia ..rsrs.
    Amiga estou nervosa, vou levá-lo para castrar terça feira dia 7 de maio.
    O vet disse que é para tirar a ração e a agua às 00:00 hs e levá-lo as 9:30 sera operado as 10:00 hs!
    Pelo que o vet examinou o Nick ele está bem , mas como não fez exames p saber se tem aids felina e tb não pretendo ter outro gato deixei p ver isso depois, já que essa doença não é transmitida p nós humanos, só entre os felinos.
    O problema são os taxistas, não querem transportar gatos, então ficou dificil fazer todos exames.
    Agora as vacinas, vermigel, banho, antipulgas isso foi feito, tem até a cardeneta de vacinação!
    Acredita que tive que usar um produto veterinário p acabar com as larvas de pulgas que infestou meu apto?!
    Acho que já te contei, piso de madeira e tapete as pulgas fizeram a festa !
    Agora ele tá fofinho sem pulgas e com o pelo que parece um veludo.
    Depois que castrá-lo diminui o odor do cheiro da urina?
    Vet disse que diminui mais coisa minima, mas como na areia não tem cheiro , então não vou me preocupar com isso, e sim com o bem estar dele!
    Ele esquece das gatinhas , não vai miar para sair e sera um gatinho feliz com os brinquedinhos dele :)
    Mas não fique preocupada que Nick não vai cair da janela.
    Como te disse as persianas é como se fosse telas, mas ele não sobe, coloquei duas vezes , ele mia triste e desce e vai ficar magoadinho na cadeira !
    Ele magoa quando vai no vet, magoa se coloca ele em cima da mesa, e nas brincadeiras ele não morde nem arranha, mas levo ele todo mes p cortar as unhas , acho que os gatos ficam estressados com unhas compridas!
    Quero enviar um fotinho dele p vc, mas não tenho seu endereço de e-mail!
    Excelente semana!
    Abraços

    • 30 de Abril de 2013 às 11:12 am
      Aline Ailetos

      Ola Cacilda,
      Desculpe a franqueza, mas eu fico sim preocupada quando sei de gatos que vivem em apartamentos sem telas. Isso porque já fiquei sabendo de inúmeros casos de gatos que caíram das janelas e se machucaram feio, isso quando não morreram. E as pessoas que perderam seus gatos para janelas não teladas têm os mesmos argumentos que você e um dia uma visita abriu a janela, ou foi a faxineira, ou o gato que nunca subiu na janela resolveu subir, pois se assustou com algo dentro do apartamento, ou algo atraiu a sua atenção na janela, enfim, existem coisas que não conseguimos controlar. Por isso eu sempre sou a favor de se prevenir contra estes acidentes que são facilmente evitados e nunca acho caro qualquer investimento pela segurança dos meus animais. Aliás, telar janelas e promover a segurança dos animais é um dos requisitos da guarda responsável e esta é a principal motivadora deste blog. Portanto, eu não seria verdadeira com você ou comigo mesma se dissesse que não me preocupo com a situação.
      Sobre a castração, eu fiquei desesperada quando os meus foram castrados, mas correu tudo bem e hoje estão super tranquilos e saudáveis. Vale muito a pena castrar nossos animais e eu acredito que diminuirá odor da urina sim. Pode ter certeza de que estarei aqui com pensamento positivo para que tudo corra bem na cirurgia dele, assim como estarei esperando por notícias dele!
      E para enviar uma fotinho dele, me mande um e-mail pelo formulário de contato aqui do blog, que eu te respondo e assim você terá meu e-mail! Vou adorar vê-lo!
      Pense com carinho a respeito das telas, faz muito pouco tempo que você convive com gatos e por isso não viu tudo ainda que eles são capazes de fazer… rs!
      Excelente semana,
      Abraços.

  7. 30 de Abril de 2013 às 2:11 pm
    Cacilda

    Oi Aline,
    Amiga agora até eu fiquei preocupada!!Visitas, faxineira, alguém que não goste de gato podem deixar o vitro aberto por esquecimento ou por maldade, vai saber!!!!!
    Já liguei p meu filho e 5ª feira vem o moço tirar as medidas dos vitros p telar!
    O da area de serviço já tem telas, coloquei por conta do Lorinho, meu netos sempre soltavam ele na area p brincar e uma vez esqueceram de fechar o vitro, qse morro de susto, a sorte foi que o chamei vem aqui com mamãe ele veio correndo. peguei e coloquei no viveiro.
    Gostei de sua franqueza pq lendo o que aconteceu com os gatos que vc citou fiquei preocupada mesmo!
    Agora tô mais preocupda que vc!
    Obrigada por me alertar e vou deixar meu endereço de e-mail p enviar fotinhos dos meus bichinhos:)
    Abraço
    Cacilda

    • 2 de Maio de 2013 às 11:16 am
      Aline Ailetos

      Olá Cacilda,
      Eu editei seu comentário para apagar o seu e-mail e evitar que você receba spam! Mas eles está copiado aqui e logo em seguida já te mando um e-mail.
      Sobre as telas, fico muito feliz por saber que você telará seu apartamento. Realmente é muito fácil acontecer um acidente! Com as telas você poderá ficar despreocupada.
      E parabéns, você é uma dona exemplar! :D
      Abraços.

  8. 2 de Maio de 2013 às 5:43 pm
    Cacilda

    Ola Aline,
    Tks por apagar :) O moço já tirou as medidas , fico despreocupada com o gato e com minha neta!
    Deixo sempre o vitro fechado quando Aliny está comigo, agora ela vai pode ficar na janela Junto com Nick!
    Ela sabe que não pode, qdo quer olhar ela pede p abrir o vitro, o Nick mia p fechar..
    Hoje ele tá muito feliz, o rapaz veio montar a mesa , ele ganhou caixa de papelão enorme, entrou la dentro e montou a maloquinha dele..;)
    Como gosta de caixas de papelão, comprei caminha , arranhador, ele preferiu a caixa de papelão quando tá frio, quando esquenta ele vai p cadeirinha dele que já tem seu tapetinho!
    Sabe o que descobri em relação ao Nick, ele adora arranhar o tapetinho que fica no corredor na entrada do apto, é bem grosso, andei muito procurando igual pq o q está no corredor não vou colocar dentro do apto p ele.
    Como não encontrei meu filho passou um link, já encontrei :)
    Compro dois e guardo hum, assim qdo estiver gasto já tem outro novinho!

    Abraços

    • 6 de Maio de 2013 às 2:03 pm
      Aline Ailetos

      Sim, gatos são assim mesmo, adoram brinquedos, camas e arranhadores alternativos!

  9. 5 de Julho de 2013 às 9:38 pm
    Cristiane Marques

    eu amei# essa reportagem,, eu amo gatos, já tive alguns , quando morava com minha vó, quando eu era menor, sempre fazia companhia a eles e saia machucada, mas eu amava!! hoje em dia quero adotar um gatinho pra mim, e vou ter esses cuidados,e acredito q serão dois gatos, pq não tenho mais a disponibilidade de infancia!!!

    • 8 de Julho de 2013 às 2:28 pm
      Aline Ailetos

      Oi Cristiane,

      Que bom que gostou do texto! E adote os gatinhos sim, isso fará bem para dois gatinhos que precisam de um lar e fará bem para você e sua família também! Obrigada pelo comentário!

  10. 1 de Setembro de 2013 às 4:57 pm
    miclas mussanhane

    adoro tudo sobre animais de estimação , adoro voces

Comentar

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados por *

*
*